Home Ações Judiciais SERVIDORES MUNICIPAIS DA SAÚDE PODEM TER GARANTIDO ADICIONAL DE INSALUBRIDADE

SERVIDORES MUNICIPAIS DA SAÚDE PODEM TER GARANTIDO ADICIONAL DE INSALUBRIDADE

Por SATEMRJ

SATEMRJ NA LUTA!

SERVIDORES MUNICIPAIS DA SAÚDE PODEM TER GARANTIDO ADICIONAL DE INSALUBRIDADE

Os servidores municipais técnicos de enfermagem conseguiram uma vitória durante a Ação Civil Pública com pedido de tutela provisória de urgência, ajuizada pelo departamento jurídico do SINDICATO DOS AUXILIARES E TÉCNICOS DE ENFERMAGEM DO RIO DE JANEIRO – SATEMRJ.

O MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO não tem providenciado equipamento de segurança e proteção (EPI), apto a reduzir os riscos de contágio, dispensando também outros cuidados necessários ao enfrentamento da doença, como também, por estarem em contato direto com objetos insalubres e pacientes em isolamento por conta de doença infectocontagiosa, desta forma, se torna imprescindível o direito ao adicional de insalubridade.

Uma boa notícia para categoria, uma vitória até aqui (cabe recurso), dos auxiliares e técnicos de enfermagem quanto ao direito de adicional de insalubridade, que poderão ser concedidos aos que ainda não tem, ou acrescentados aos que ganham percentual incompatível com o grau de risco, segundo a sentença. Um sopro de esperança que poderá dar novos contornos a cada profissional e sua atuação em face da exposição.

“Nossos auxiliares e técnicos de enfermagem estão adoecendo na linha de frente no combate à COVID-19, são expostos a diversas situações com altos riscos de contágio, o adicional de insalubridade não deveria nem ser objeto de luta, deveria ser uma obrigação, vamos lutar e esperamos que na justiça consigamos manter esse direito,” Finaliza Miriam Lopes, Presidenta do SATEMRJ.

Comunicação SATEMRJ

Veja também:

Deixe um comentário